Make your own free website on Tripod.com
Welcome Seeker! | MYSTERIOUS TRUTH | Mysteries of an Initiation | Mysteries from the Past | Mysteries of Secrecy | Mysteries of Soul | Mysteries from an Extraterrestrial | Mysteries of Death | Mysteries of a Dead Drug Addicted | Mysteries of the Black Night | Mysteries of a Spiritual Healing | Mysteries of an Astral Treatment | Mysteries of Sychronicity | Mysteries of Perfectionism | Mysteries of God | Mysteries of Time | Mysteries of Dream | Mysteries of Energy | Mysteries of Prayer | Mysteries of Religion | Mysteries of Family | Mysteries of Preoccupation | Mysteries of our Body | Mysteries of Evil | Mysteries of Animal Idiom | Mysteries of Love | Mysteries of my Arrival | Please make comments about this MYSTERIOUS page

Home

MARCO'S MYSTERIES
Mysteries of our Body

camaraegipcia.jpg

Seus Corpos Físico e Não-Físico Merecem Respeito

(...) A tarefa do ser humano é aprender a comportar-se em harmonia com a vida sutil. Nossos pensamentos são importantes até mesmo para a vida celular.

(...) O cérebro pesa um quilo e meio e reúne 14 bilhões de células. Por ele passa meio litro de sangue a cada minuto. Ele é lógico no seu hemisfério esquerdo, intuitivo e criativo no lado direito, emocional no seu setor límbico, e coordena as reações automáticas e padrões vibratórios em seu tronco, situado no topo da coluna vertebral.

(...) Segundo a sabedoria oriental, há sete cavidades ou espaços vazios no cérebro. Neles existe apenas "akasha", a luz astral. Cumprem uma função de ligação com o plano espiritual. A tradição Rosacruz e a Cabala usam a mesma imagem ao descrever a intuição, pela qual o cérebro capta as vibrações da Inteligência Cósmica e da Harmonia Universal.

(...) O coração, tal como o cérebro é outro grande comando visível da vida do corpo humano. Com 300 gramas de peso em média, ele é do tamanho de um punho fechado e bate cerca de 90 mil vezes a cada dia que passa. Este vital órgão bombeia cinco toneladas de sangue por dia. É quando recolhe o sangue venoso, que a ele chega com gás carbônico e detritos. Então o coração envia o sangue venoso para o pulmão, que o devolverá purificado e rico em oxigênio. Em seguida, o coração lança esse sangue reciclado em todo o organismo.

(...) O sangue humano - cerca de seis litros para uma pessoa de 70 quilos - contém aproximadamente 25 trilhões de glóbulos vermelhos transportadores de oxigênio e outros tantos glóbulos brancos ou leucócitos, encarregados da defesa do organismo contra bacilos e bactérias.

(...) O fígado tem menos prestígio do que o cérebro, o coração ou o sangue, porém sua importância é fundamental, porque separa o joio do trigo. Com 1,7kg de peso, o fígado contém em si a quarta parte do sangue do corpo e produz um litro de bílis por dia. Esse líquido esverdeado, cumpre papel decisivo ajudando a digerir gorduras em grande escala. O fígado também produz açúcar, que é essencial para os músculos, e destrói susbtâncias nocivas. Ele as recicla, quando isto é possível, ou decide pela sua eliminação. Além de tudo, também recicla os glóbulos vermelhos que não servem mais para o transporte do oxigênio, e encaminha a parte útil deles para que novos glóbulos vermelhos sejam produzidos no baço e na medula dos ossos.

(...) Os dois rins trabalham como analistas químicos e são responsáveis diretos pela qualidade do sangue. Eles o filtram constantemente, eliminando através da urina o que for inútil ou nocivo.

(...) Não se pode pensar ou sentir a vida espiritual como algo divorciado do nosso corpo físico. Ao contrário, é necessário reconhecer que o corpo físico é um processo espiritual, e então agir à altura desta percepção. O estudo do sistema endócrino, por exemplo, mostra como se dá a ponte do mundo físico para o mundo sutil.

(...) O sistema glandular trabalha como uma equipe entrosada. Uma glândula é qualquer órgão que produz alguma substância. Se a substância vai para atividades relativamente externas, como é o caso da bílis, da saliva e do suor, a glândula é chamada de exócrina. Se a substância vai para o sangue, a glândula é chamada de endócrina.

(...) A glândula endócrina mais conhecida é a tireóide, situada no pescoço, logo abaixo do pomo-de-adão. Ela regula a velocidade e o ritmo geral do corpo, inclusive o batimento cardíaco, a atividade mental e a atitude diante da vida. A tireóide é vista como a mediadora entre as emoções e os pensamentos.

(...) Há uma glândula que comanda a própria hipófise, segundo os sábios orientais. Trata-se da glândula pineal, sede da visão intuitiva, o chamado "terceiro olho", ou o instrumento mais elevado da alma imortal (leia a história "A Sede da Alma", deste autor).



Compilação do Ensaio, "A Geografia Oculta do Corpo", de Carlos Cardoso Aveline - Rev. Planeta-Fev/99