Make your own free website on Tripod.com
O Sobrenome VEADO
Folhetim EASC

Home | Origem do EASC | MEMBROS EASQUEANOS | O Sobrenome VEADO | EASC 92 | Pré-EASC 1994 | EASC Fêmeo 1995 | Pelada EASC 1996 | Pré-EASC 1996 | EASC 1997 | XX EASC 1999 | EASC 2002 | EASC 2002 (2) | Membro Easqueano | XXIV EASC - Diretoria | Recordes | Astrologia | Livros | Ronaldo Sonha | Magnusianos | FoGaluppo | Quarteto EASC | Cerveza Porteña | Veadada | Desventuras | Cão e Casório | GayChorro Veado | MaridoBobo GoloEASC | Carma Duplo | Membros no Canto | Ramsés Sede Zero | Veados Promíscuos | Fessô Jú-Vandro Taco | Sergio Sonha | Paulo Tonto-Magnusianos | Boiolices | Igreja Empresa | Cúzeiro Malaguêta | Tramas Macabras | M.Xikô Tempos EASC | Julio, o PETofilo | Sergio Saca-O-Saco | Durch All-Star | EVANDRO | MAGNUS | JÚLIO | THIAGO | PAULO | RONALDO | MARCO A. | MARCELO | MAURÍCIO | ALUÍZIO | MARDEN | CHICO | TED | KIKO | LÚCIO | ZORZI | SÉRGIO | | DANI | RONY | OTÁVIO | VILLELA | MÁRIO | MarcoCelo | No futuro... | EvanSergio | Vote Mi-MA

sobrenome.jpg

Este é um assunto deveras pedante e, porquê não, enfadonho. Mas, os pobres de espírito merecem esta explicação, ainda que tardia...

"Por quê você tem este sobrenome?; "Por acaso, não tem vergonha do seu nome?"; "Quem foi que te colocou este nome, cara?"...]E assim vai.
As tolas perguntas persistem, independentemente do século em que estamos...
Os beócios ainda proliferam.

Mas, se pensam que incomodam os portadores deste sobrenome, enganam-se.
Ou melhor, há elementos na nossa família que ainda se sentem... diríamos, "pertubados" em carregar tal "último nome"...

Por quê? Não sabemos...
Freud explica...

É sabido, que o nome não faz a pessoa e vice-versa.
Tampouco o nome faz o animal, o dono do nome no caso em pauta.
À propósito, falemos dele, antes de tudo.
O veado é o maior dos cervideos da nossa fauna.
É forte, ágil e prudente. Seu comprimento total varia de 1,65 metros at 2,5 metros e o seu peso ronda em torno dos 100 a 200 quilos. Tem dorso proeminente, membros esguios (e membro avantajado, também, claro), além de um garrote saliente.

A cor da pelagem é geralmente castanha, levemente avermelhada nos adultos. O macho distingue-se normalmente da fêmea por ser mais corpulento e apresentar durante quase todo o ano um galheiro vigoroso, composto por duas hastes cilíndricas, mais ou menos ramificadas.

Os veados gostam de agrupamentos mistos, ou seja, estes são formados por um macho e várias fêmeas (esta característica, por sinal, é muito bem-vinda na nossa família, hehehe).

O número de cervas por "harém" (grupo de femeas reunidas), varia principalmente na relação macho/fêmea existente no local. Cada grupo tanto pode ser constituído por um veado e uma cerva como por um veado e dez a vinte cervas (como invejamos nossos "zoo-manos"!).

Outra característica muito similar que muito apreciamos e que destrona a sua fama jocosa de "agasalhador de croquetes animalescos": o VEADO e o único dos animais de comportamento eminentemente HOMÓFOBO, ou seja, detestam os machos!
Em outras palavras, esses imponentes animais detestam praticar sodomia com os de sua mesma espécie, ao contrário dos lobos, leões, tigres, dentre outros afrescalhados e pseudo-imponentes animais...

Por isso, vem logo o questionamento:
Por qual motivo "implicaram" com o nome VEADO???

O fato que tais chacotas contra o sobrenome VEADO caíram em desuso pleno. A piadinha ficou velha, ultrapassada!
Tanto é, que até existem lugares que adotam tal nome, sem prejuízo para sua reputação.
Quem não conhece a famosa Chapada dos Veadeiros e a "Botica do Veado D'Ouro"?
Vale recordar, ainda, que uma cidade capixaba chamava-se "Veado". É a hoje re-denominada Guaçuí'. Tudo indica que seus habitantes, eram, na sua maioria, homossexuais enrustidos, talvez com medo de levarem a fama de Pelotas, Campinas, Oliveira, etc...

Enfim, os "gozadores" de plantão não podem mais fazerm ouvidos moucos pois deviam saber que há outros nomes de cujo significado paralelo poderia também fazer eco em suas infantis e jocosas troças.
Por que não chateiam os portadores daqueles que têm sobrenome "Pinto", "Brochado", "Barata", "Bezerra", "Cavalo", dentre tantos outros?!

Cada um tem uma personalidade única, diferente de seu nome. Quantos foram os "Jesus" que mataram, roubaram, estupraram e hoje podem estar na cadeia?
Quantas "Marias"!!! Quantos "João de Deus"!!!
Quantos elementos boiolas podem existir na família "Homem"?

Aproveito o gancho, e conto rapidamenteeis como surgiu o apelido "Veado" para "bicha" e como surgiu o nome em nossa família.

Existem rumores que a origem do nosso sobrenome remonta o século 17, mas há ainda os que dizem que antigamente no Rio de Janeiro, a polícia dava batidas nos antros povoados pelos bicholetas, gays, panalereiros e boiolas que eram então denominados de "café-com-leite". Isto acontecia mormente na Cinelândia. Como não podia deixar de ser, o pânico e o alvoroço desvairado das "bonecas" (será que é dali a origem dos cruzeirenses?) era tal, que começavam a correr em disparada. Os observadores notaram sua velocidade e viram que muito se pareciam com veados em galope, fugindo de seus caçadores. Assim, apelidaram-nos de veados.
Pegou o apelido.
E a moda carioca se espalhou...
Como sempre...

O nome original de nossa família era "Gomes".
Dizem outros, que um de nossos antepassados que era eficiente e esperto farmacêutico.
Ele morava na região da cidade mineira de Congonhas do Campo. Quando atendia seus clientes, ele corria suas casas levando medicamentos, em vez de usar a montaria, usual naquele tempo.
Como o local era infestado de veados da raça "campeiro" e naquele tempo tinha-se a mania de dar apelidos de animais para as pessoas que se assemelhavam a eles em características (sabe-se lá o motivo do sobrenome pinto, ou coelho...), o dito passou a ser conhecido como "Seu Veado", o farmacêutico corredor.

É isso.
Goze quem for bobo.
Mas goze com criatividade...
Afinal, gozar é "cô nóis mêmo"!




1-deeremail.gif